Lipoaspiração

LIPOASPIRAÇÃO



Definição

- É a cirurgia plástica da camada gordurosa por meio de cânulas conectadas a fontes de vácuo ou outras tais como o ultra-som.

Objetivos

- Retirar porções localizadas e indesejáveis em certas regiões do corpo.

Noções do procedimento

- A lipoaspiração tradicional é a mais empregada e a mais recomendada até hoje. Da forma tradicional, a lipoaspiração é praticada por cânulas de vários comprimentos, de vários calibres, com desenhos diferentes na ponta, que são próprias para cada objetivo pretendido. As cânulas são conectadas a fontes de vácuo, que faz sucção fracionada da camada gordurosa. Pequenos cortes são praticados para a introdução das cânulas, próximos das áreas a serem lipoaspiradas. É muito importante que haja bom senso do cirurgião plástico que pratica a lipoaspiração e dos resultados pretendidos. Está claro que a lipoaspiração não é método de emagrecimento, e sim complementar ao tratamento do emagrecimento. Além disso, muitos avanços surgiram nos tipos de cânulas, nos tipos de lipoaspirador ou mesmo do ultra-som associado à lipoaspiração, ou ainda da vibrolipoaspiração. Porém, não há modernidade que substitua um método baseado na segurança, na preservação da vida, e de objetivos realistas. Ainda muito mais que o tipo de lipoaspiração, vale como e quem pratica a lipoaspiração.

Anestesia

- Geral. Local com sedação. Peridural ou raquídea (nas costas).

Cuidados pós-operatórios

- Nas primeiras duas semanas é necessário um repouso relativo. São recomendáveis: o uso de malhas elásticas próprias, massagens na área operada, evitar a exposição solar.

Tempo de recuperação

- Os curativos são simples, nas primeiras duas semanas. Em geral, em um mês a paciente está apta a realizar todas as atividades habituais, exceto aquelas que demandem esforços exagerados.